Lojistas esperam movimento de última hora para compras de Dia dos Namorados

Com o Dia dos Namorados justamente em um final de semana, a expectativa do comércio de Caxias do Sul é que esta sexta-feira (11) e o sábado (12) sejam de movimentação acentuada para as vendas de última hora. Pesquisa da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) aponta que 45% dos entrevistados pretendem fazer as compras nesses dois dias.

O segmentos que deve lucrar mais com a data é vestuário e calçados que, conforme o levantamento da entidade, são a preferência de 36,2% dos caxienses. Lojas do Centro, onde a maior parte dos consumidores pretende comprar, se prepararam com decoração e promoções para atrair os clientes. Na Drops de Menta, localizada na Avenida Júlio de Castilhos, a semana já começou com procura acima do esperado e projeção de alcançar o mesmo patamar de vendas registrado em 2019, ainda antes da pandemia:

— Essa semana está sendo bem boa para nós. O que mais estamos vendendo são malhas e jaquetas — revela a gerente da loja, Shirley Martins.

Esse cenário, no entanto, não é uniforme. No caso da RA Homem, na Rua Bento Gonçalves, a busca por produtos no início da semana ainda não foi insuficiente para gerar algum otimismo. Mesmo com campanhas para atrair clientes e opções de presentes especialmente para o Dia dos Namorados, o supervisor da loja, Douglas Benites, conta que a mobilização do consumidor está ainda pior do que em 2020.

— Neste ano está bem complicado. O nosso negócio trabalha lado a lado com eventos. Sem eles, são apenas as roupas casuais e, essas, as pessoas estão procurando menos — justifica Benites.

A expectativa dele é que as vendas se alavanquem nesse fim da semana. É uma projeção semelhante que espera alcançar a Chocolate e Cia, que leva no nome um dos produtos mais procurados pelos apaixonados. A pesquisa sobre a preferência do consumidor para o Dia dos Namorados indica que os chocolates serão escolhidos para presentear por 16,6% dos entrevistados. Na loja localizada na Pinheiro Machado, a gerência tem percebido o consumidor mais cauteloso, que está pesquisando os preços antecipadamente para depois decidir pela compra.

— O pessoal sempre deixa para a última hora — alerta a gerente geral da Chocolate e Cia, Heloísa Helena de Lucca.

Por outro lado, os produtos de decoração, também vendidos na loja do Centro de Caxias, têm alta procura desde o início da semana. Isso, provavelmente impulsionado pelo fato de que muitos namorados vão aproveitar a data em casa e querem deixar o ambiente mais envolvente e aconchegante.

— Até me surpreendi com o movimento, porque achei que não ia ter muito. A gente não está dando conta de montar os arranjos de decoração — comenta a decoradora da loja Tainara Carvalho.

Preço das flores em alta

Símbolo da paixão, as flores fecham o topo da lista e estão entre os três tipos de produtos mais procurados para presentear. Na Floricultura Amazonas, no bairro de Lourdes, há uma série de opções, que vão desde buquês, até cestas de café da manhã, mas os arranjos de rosas vermelhas são o carro-chefe nesta data. No entanto, os apaixonados devem se preparar financeiramente.

— Os preços estão altos. Diria que triplicou o valor dos arranjos. Entre os motivos, está a covid-19, porque pequenos produtores perderam as vendas e arrancaram as plantas. Então, agora a procura é muita e a oferta é pouca — explica a proprietária da Amazonas, Leonir Suzin, que faz as comprar das rosas em São Paulo.

EXPECTATIVA EM NÚMEROS

Pesquisa da CDL avaliou que as vendas devem crescer neste ano 25% no Dia dos Namorados em relação ao primeiro ano da pandemia e, com isso, ao menos alcançar o mesmo patamar de 2019. Confira outros dados da Pesquisa de intenção de compras Núcleo de Informações de Mercado da CDL Caxias do Sul, que causam otimismo aos empresários:

  • 58% dos entrevistados devem ir às compras para a data
  • Tíquete médio será de R$ 196, para 1,5 presentes. É um crescimento de 4% frente ao ano anterior (R$ 189), e praticamente igual a 2019, quando ficou em R$ 195,92.
  • 75% dos entrevistados afirmaram que se sentem seguros no comércio caxiense e sabem que os estabelecimentos estão tomando todas as medidas de segurança, contra apenas 8%, que disseram que não acham seguro.
  • 70% dos entrevistados são influenciados pelo romantismo na hora da compra
  • 75,9% dos entrevistados terão um jantar romântico na data e 23,6% farão um passeio ou viagem para celebrar.

Fonte: Pesquisa de intenção de compras da CDL

PRESENTES MAIS PROCURADOS

  • Vestuário e calçados – 36,2%
  • Chocolate – 16,6%
  • Flores – 14,7%
  • Higiene e beleza – 11,7%

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *