Grupo da Aliança pelo Brasil em Bento lançará candidatos do partido de Mourão para eleições municipais

Após ficar decidido que a agremiação criada por Bolsonaro não participará das eleições deste ano, grupo de Bento foi convidado para lançar candidaturas pelo PRTB

Em reunião realizada recentemente com integrantes da Aliança Pelo Brasil, criada pelo Presidente Jair Bolsonaro, foi confirmado que o futuro partido não conseguirá ficar pronto para as eleições municipais deste ano. Até a quinta-feira, dia 5, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) havia analisado mais de 22 mil apoiamentos do partido, sendo 7.298 considerados aptos e 15.032 inaptos. Outros 55.407 seguem em análise. Entretanto, para que o partido fosse criado a tempo para estas eleições, seriam necessárias 492 mil assinaturas válidas, até o dia 4 de abril. “Foi melhor assim, porque estava muito em cima da hora, muitas pessoas ruins estavam querendo entrar, ia dar muito problema. Agora vamos continuar captando apoiadores para as próximas eleições”, revela um dos integrantes que estava à frente do grupo da Aliança pelo Brasil em Bento, Jair Cavalli.

Apesar de não alcançar seu objetivo, Cavalli afirma que o grupo estará presente nas eleições municipais deste ano, por meio do partido do vice-presidente, Hamilton Mourão – o Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB). “Estivemos em reunião com o presidente estadual do partido, o Coronel Marco Elias, que disse gostar muito do nosso grupo e sugeriu que lançássemos candidatos pelo PRTB. Como vimos que esse partido não tem representantes em Bento e que não tem problema nenhum, aceitamos”, relata.

Agora, o grupo de, aproximadamente, 200 pessoas que estavam buscando assinaturas para a criação do Aliança pelo Brasil estão empenhados em buscar filiações ao PRTB. “Vamos trabalhar com os dois partidos integrados, o PRTB e o Aliança pelo Brasil, porque para nós é a mesma coisa”, afirma. A diretoria do PRTB em Bento já está sendo montada e deverá ter Cavalli como presidente. “Vamos lançar uma chapa completa, com candidatos a prefeito, vice e vereadores”, complementa.

Mais informações podem ser obtidas pelo fone (54) 99973-8791.

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *