Bento adere ao projeto “Abelhas do Bem” do IFRS

A iniciativa consiste na instalação de caixas de abelhas sem ferrão em alguns pontos do município, a fim de conscientizar a comunidade sobre a importância da preservação desses insetos

O projeto “Abelhas do Bem” do Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS), campus Bento, tem como objetivo a conscientização da comunidade sobre a importância da preservação desses insetos. Nessa quinta-feira, dia 28, a prefeitura de Bento Gonçalves se tornou parceira da iniciativa, que contempla a instalação de caixas de abelhas nativas (sem ferrão), da espécie Jataí, em alguns pontos do município. As caixas foram doadas pelo Instituto.

As primeiras caixas foram colocadas na entrada da Secretaria da Agricultura e na Reserva Biológica Dárvin João Geremia – onde os grupos que realizam trilhas poderão conhecer de perto as abelhas. O projeto auxiliará no estudo de estudantes, meliponicultores e apicultores, docentes e comunidade em geral.

O secretário da Agricultura, Dorval Brandelli, ressalta a importância dos insetos para o produtor. “Além de produzirem o mel de maior valor agregado, essas abelhas são fundamentais para a polinização de muitas culturas como produção de morangos, melões, goiabas e etc. Elas se adaptam aos pequenos espaços e o fato de não serem agressivas facilita o manejo e a coleta do mel muito cobiçado pelo sabor, pelas propriedades medicinais e até pela culinária”, pontua.

“Temos como objetivo sensibilizar a população quanto a importância das abelhas para o equilíbrio dos ecossistemas, fazendo com que a comunidade identifique essas espécies e as preservem, reconhecendo-as como fundamentais para a sobrevivência do planeta!”, destaca o secretário do Meio Ambiente, Claudiomiro Dias.

Os produtos derivados, como mel, pólen, própolis e geleia real, também serão aproveitados. O mel, principalmente, terá como um de seus destinos, a enfermagem do IFRS, onde serão elaborados medicamentos fitoterápicos para o tratamento de enfermidade de alunos e servidores.

Além disso, outra atividade que compreende o Projeto Abelhas do Bem é a realização de cursos de extensão para a comunidade em geral.

Fotos: Franciele Gonçalves